Ao usar o nosso website, concorda com o uso de cookies. Saiba mais.

MERCEARIA SABURA: MAIS DIGNIDADE, MAIS INCLUSÃO

A dificuldade no acesso a alimentos, decorrente de situações de carência socioeconómica, é um problema que afeta cerca de 79% das pessoas acompanhadas pelo Centro Padre Alves Correia. Destas pessoas, uma parte significativa são doentes evacuados dos PALOP ao abrigo de Acordos de Cooperação no domínio da Saúde com Portugal.

Atualmente, o CEPAC acompanha cerca de 593 famílias, das quais 470 beneficiam de apoio alimentar. Existe uma tendência crescente na procura deste apoio específico, integrado numa resposta multidimensional, cada vez mais desafiante, que o CEPAC presta.

A Mercearia Sabura concretiza-se no ano em que o Centro Padre Alves Correia comemora o seu 30ª aniversário. Com inauguração a 4 de julho de 2022, a Mercearia Sabura promove um acesso digno e inclusivo à resposta de apoio alimentar prestada pelo Centro Padre Alves Correia.

A Mercearia Sabura adota o modelo de Mercearia Social, promovendo o direito à autodeterminação e empoderamento das pessoas na escolha dos bens alimentares.

Trata-se de uma resposta de apoio não pecuniário, sem custos para a pessoa utilizadora. Funciona segundo um sistema de créditos atribuídos mensalmente às famílias, que os podem trocar por produtos à sua escolha, de acordo com a composição do agregado familiar e bens disponíveis.

A concretização deste projeto foi possível com o patrocínio do Grupo Portugália Restauração, no âmbito de uma parceria com o CEPAC que tem vindo a desenvolver-se desde 2018 “No Grupo Portugália Restauração valorizamos e celebramos a Diversidade. Contando com mais de 29 nacionalidades no Grupo, a parceria com o CEPAC tem sido essencial para assegurar a inclusão e integração social plena dos nossos colaboradores imigrantes. Para nós, fez todo o sentido apoiar a Mercearia Sabura, um projeto tão inovador, que respeita e dignifica o apoio alimentar dado aos utentes acompanhados pelo CEPAC, respeitando a diversidade cultural e religiosa de cada um.”, salienta Ana Lia de Mattos, Diretora de Responsabilidade Social Corporativa da empresa.

O apoio alimentar prestado depende diretamente das parcerias estabelecidas com o Banco Alimentar Contra a Fome, Refood-Estrela, do Grupo Auchan, e de outros apoios.

Trata-se de um projeto com um grande potencial comunitário, uma vez que qualquer pessoa pode envolver-se e participar, seja através de contribuições monetárias ou em género, ou do voluntariado, que será essencial na dinamização e manutenção deste novo espaço.

COLABORE